fisioterapeuta

Fisioterapia: entenda os campos de atuação do profissional

FAPCE.

Fisioterapia é a área da saúde que trata da habilitação e reabilitação das funções físicas do corpo humano. Quando uma pessoa sofre uma lesão, o médico faz o diagnóstico das partes afetadas e o fisioterapeuta propõe exercícios e movimentos para uma boa recuperação. No entanto, o organismo humano possui diversos sistemas nos quais, a depender da lesão, cabe a atuação da Fisioterapia.

Então, nesse universo de possibilidades, é preciso saber: em que áreas um fisioterapeuta pode atuar? O que faz o fisioterapeuta? É o que você vai conhecer agora!

fisioterapia na faculdade

Áreas de atuação

O Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Coffito) reconhece algumas especialidades de trabalho para quem possui graduação em Fisioterapia. Um profissional pode atuar tanto na reabilitação dos movimentos quanto na prevenção de lesões do aparelho respiratório, cardiovascular, neurofuncional, entre outras. Veja só:

Respiratória

Anteriormente conhecida como Fisioterapia Pneumo Funcional, esta área é responsável pela prevenção e tratamento de problemas respiratórios, como asma, tuberculose e bronquite. O fisioterapeuta auxilia o paciente nos processos de insuficiência respiratória, na prevenção desses eventos e também na educação das pessoas para a manutenção de uma na respiração.

Cardiovascular

Pessoas que sofrem ou já sofreram problemas do coração podem contar com a ajuda da Fisioterapia para o processo de reabilitação. Seja nos hospitais ou fora desse cenário, o fisioterapeuta desenvolve programas específicos para a reabilitação funcional do paciente, que evitam e/ou previnem a evolução das doenças.

Trabalhista

Egressos da faculdade de Fisioterapia podem atuar na prevenção e tratamento de lesões oriundas das atividades de trabalho. Esse profissional é um dos responsáveis em propor melhorias no ambiente laboral que contribuem para a qualidade de vida do trabalhador. Sugerem exercícios de alongamento, propõe a reeducação postural e observam os riscos presentes no dia a dia de trabalho para a saúde física do colaborador.

Esportiva

É a área da Fisioterapia voltada para o cuidado do desempenho físico de atletas. Trata da recuperação da força muscular, condicionamento, flexibilidade, potência e equilíbrio de modo a garantir a plena atuação do atleta para a prática do esporte. Pode atuar, por exemplo, na equipe de treinamento de times de futebol, equipes de ginástica olímpica, de natação ou qualquer outra atividade esportiva.

Saúde da Mulher

É a área que previne e trata de disfunções no sistema urinário e reprodutivo da mulher. Propõe exercícios para curar problemas de incontinência urinária, constipação, além de ginástica para fortalecer a musculatura vaginal, que ajuda a melhorar o desempenho sexual da mulher.

Mercado de trabalho

São cerca de 225 mil fisioterapeutas registrados no Brasil, de acordo com dados de 2017 do Coffito. Estabelecida pela Lei 8856/94, a jornada de trabalho desses profissionais é de 30 horas semanais para o qual deve receber, no mínimo, 2.856 reais. Este valor é vigente no Ceará e foi estabelecido por meio da convenção coletiva de trabalho do Sindicato dos Fisioterapeutas e Terapeutas Ocupacionais do Estado.

Além das cinco áreas que citamos neste artigo, quem conclui a faculdade de Fisioterapia está apto a trabalhar com outras dez especialidades. Ou seja, é um campo que permite uma ampla atuação no mercado dentro da área da saúde e mais especificamente da reabilitação de movimentos dos pacientes.


Então, agora que você já conhece um pouco sobre essas especialidades, que tal saber mais sobre a graduação em Fisioterapia da FAP? Acesse nosso site!

Nova call to action

Mais Posts