shutterstock_412333285

Como a Arquitetura Sustentável contribui para o planeta?

FAPCE.

Hoje, poucos termos são tão falados quanto a sustentabilidade. A palavra está em voga em todo o mundo e circula em conferências internacionais sobre Direito, Medicina, Economia e, claro, Arquitetura. Portanto, se você tem interesse em fazer um curso de Arquitetura e Urbanismo, saiba que incluir estratégias de Arquitetura Sustentável nos projetos arquitetônicos tem sido cada vez mais importantes.

No que diz respeito às construções arquitetônicas, a sustentabilidade é aplicada com o objetivo de construir com o mínimo impacto na natureza, destacando o simples, eficiente e elegante. Quer entender mais sobre como esse conceito de construção sustentável beneficia o planeta? Veja a seguir!

Otimiza o uso de energia

Com os impactos das mudanças climáticas globais cada vez mais evidentes, é essencial encontrar maneiras de reduzir a carga de energia, aumentar a eficiência e maximizar o uso de fontes renováveis em construções residenciais e comerciais. 

É por essa razão que inúmeras organizações têm se comprometido com a construção e operação de edifícios de energia zero — a exemplo das casas com teto solar — para reduzir significativamente a dependência de combustíveis fósseis.

Aprimora o uso de materiais

À medida que a população mundial cresce, o consumo de recursos naturais aumenta e os recursos disponíveis diminuem. Portanto, é essencial buscar o uso de materiais que consigam valorizar a construção ao mesmo tempo em que preservam os recursos naturais. 

Uma ótima maneira de colocar essa premissa em prática é projetando casas e edifícios que utilizem concreto reciclado, tintas e vernizes biodegradáveis, lâmpadas de LED e outros itens que causam menor impacto no meio ambiente.

Protege os recursos hídricos

O esforço para levar água potável para nossas torneiras domésticas consome enormes recursos energéticos em bombeamento, transporte e tratamento. Muitas vezes, produtos químicos potencialmente tóxicos são usados ​​para fazer água potável. 

Por isso, vale a pena usar a tecnologia e a Arquitetura Sustentável na construção de casas e apartamentos, minimizando a cobertura impermeável criada e implementando sistemas de reutilização de água no uso local.

Melhora a qualidade ambiental interna

A qualidade ambiental interna de um edifício impacta diretamente na saúde e no conforto dos ocupantes. Entre outros atributos, um edifício sustentável maximiza a iluminação natural, possui controle adequado de ventilação e umidade, otimiza o desempenho acústico e evita o uso de materiais com emissões de COVs (Compostos Orgânicos Voláteis).

Potencializa as práticas de manutenção

Considerar a presença de problemas operacionais e de manutenção durante a fase preliminar do projeto de uma instalação contribui para melhorar os ambientes de trabalho, aumentar a produtividade, reduzir custos de energia e recursos, e prevenir falhas de sistema estrutural. 

Uma boa forma de se conseguir isso é incentivando os operadores de construção e pessoal de manutenção a participar da etapa de projeto e desenvolvimento. Assim, será possível fazer a manutenção adequada da propriedade e de seus recursos, como as instalações de águas pluviais projetadas para reduzir o impacto do edifício no solo.

Trabalhar com Arquitetura Sustentável é uma excelente forma de exercer a profissão de Arquiteto e ainda aplicar seus conhecimentos na preservação dos recursos naturais do planeta. Tudo dependerá das escolhas que fizer ao longo da carreira, como  projetar casas que utilizem materiais que exigem menos uso de água, energia, produtos químicos e que sejam renováveis.

Agora que você já sabe como a Arquitetura Sustentável beneficia o planeta, conheça 10 motivos para cursar Arquitetura e Urbanismo!

Quais os motivos para cursar Arquitetura?

Mais Posts